especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Educação - 10/10/2015 - 06h45

Em 21 anos, UEMS foi decisiva para a melhoria da educação e economia em Mato Grosso do Sul






Por Leandro Silva do Notícias MS/ Redação Pantanal News

Campo Grande (MS) – Indicadores oficiais e pesquisas realizadas em todo o Estado, mostram o sucesso obtido pela educação superior de Mato Grosso do Sul nos últimos 21 anos. Este período refere-se a existência da Universidade Estadual de MS, responsável por materializar as ações do Estado voltadas para educação superior.

Na educação, o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb), principal indicador oficial do Brasil, mostra o aumento da nota dos alunos no ensino fundamental em todas as cidades onde a UEMS atua através da formação de professores. De 2005 a 2013 o aumento do Índice em alguns munícipios onde a UEMS está presente foi significativo, como em Nova Andradina onde a nota aumentou 79,4%; Mundo Novo – 59,5%; Coxim – 59,2%; Amambai – 52,2%; Cassilândia – 31,8%; Maracaju – 31,2%; Jardim – 24,5%; e Naviraí – 59,6%.

De acordo com o reitor, Fábio Edir dos Santos Costa, atualmente, é possível enxergar a UEMS consolidada no Mato Grosso do Sul. “Ao longo destes 20 anos a nossa Universidade formou mais de 11 mil profissionais em diversas áreas do conhecimento, muitos deles licenciados. E a gente pode observar pelo índice da Educação Básica (Ideb) dos municípios do Estado uma ação direta da qualidade da educação proporcionada pelos nossos profissionais, que contribuiu para ao crescimento da qualificação profissional nos municípios”.

Uma pesquisa realizada pela pesquisadora Eleuza Ferreira Lima, publicada em 2012, mostra que não apenas a educação dos 15 municípios onde a UEMS está presente melhorou, mas também a economia. A pesquisa identifica uma projeção da renda da população dessas cidade e consequente melhora na qualidade de vida.

No período analisado, os números de empregos formais nos municípios onde a UEMS atua quase triplicou para pessoas com formação superior. “Em 1996 eram 121.276 empregadas com menos que ensino médio; 39.944 com ensino médio completo; e 27.560 com superior completo. Já em 2007 eram 138.676 com menos que Ensino médio; 114.928 com ensino médio completo; e 64.452 com ensino superior”, explicou Eleuza.

Outro dado importante que o trabalho apresenta é que dos egressos que participaram da pesquisa, mais de 50% disseram que trabalham na área de formação e mais de 89% afirmaram que residem na mesma cidade onde concluíram o curso. Este dado mostra sucesso na missão inicial da Universidade que era auxiliar no desenvolvimento do interior do Estado.

Com a pesquisa constatou-se que todos os municípios tiveram aumento no PIB Municipal e no PIB Per capita nos períodos estudados. Destaca-se um crescimento de 28% no PIB per capita para o Estado e 23% para os municípios estudados. Com relação ao PIB, verifica-se que o Estado teve um crescimento de 50% no período e nos municípios, de 45%.

Isto tudo, porque em 1993, quando foi instituída a Comissão para Implantação da UEMS, o objetivo foi elaborar uma proposta de Universidade que tivesse compromisso com as necessidades regionais, particularmente com os altos índices de professores em exercício sem a devida habilitação e, ainda, com o desenvolvimento técnico, científico e social do Estado, surgindo assim uma Universidade com vocação voltada à interiorização de suas tarefas, para atender a uma população que, por dificuldades geográficas e sociais, dificilmente teria acesso ao Ensino Superior.

UEMS

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
27/10/2017 - 14h32
Projeto Florestinha realiza Educação Ambiental para alunos de Corumbá
27/10/2017 - 10h48
IFMS ofertará seis novos cursos de graduação em 2018
20/10/2017 - 09h30
Enem 2017: locais de prova já estão disponíveis no cartão de confirmação
18/10/2017 - 16h10
Local de prova do Enem será divulgado na sexta a partir das 10h, diz Inep
18/10/2017 - 16h05
Corumbá: Estudantes devem fazer rematrícula para vaga na Rede Municipal de Ensino
 
Últimas notícias do site
14/12/2017 - 06h35
Após trégua, 5ª-feira terá pancadas de chuva em várias cidades de MS
13/12/2017 - 08h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 33 milhões nesta quarta-feira
13/12/2017 - 07h58
Azambuja se reúne com empresa e dá posse ao novo secretário de Saúde
13/12/2017 - 06h54
'Dog itinerante': Este cachorrinho já visitou mais cidades que muita gente
13/12/2017 - 06h38
Dia amanhece com sol entre nuvens, mas previsão é de temperatura alta
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.