zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Forças Armadas - 02/09/2015 - 06h14

Gabinete de Segurança da Presidência da República explica atuação do Exército em MS; veja ofício




Chico Ribeiro

Por Bruno Chaves do Notícias MS/ Redação Pantanal News

Campo Grande (MS) – Em ofício encaminhado ao governador Reinaldo Azambuja, o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, José Elito Carvalho de Siqueira, informa como será a atuação do Exército nas cidades de Mato Grosso do Sul onde foram registrados conflitos entre grupos de indígenas e produtores rurais nas últimas semanas.

O deslocamento de tropas das Forças Armadas para as cidades de Antônio João, Aral Moreira, Bela Vista e Ponta Porã atende uma solicitação do governador Reinaldo, que se reuniu ontem (31) com chefes da segurança pública para debater a preservação da ordem pública no Sul do Estado e evitar novos conflitos.

“Não queremos heróis e nem bandidos, como alguns aí, infelizmente, se colocam de um lado ou de outro. E nosso lado aqui é estabelecer o estado de paz, de ordem em Mato Grosso do Sul, e nós vamos ter isso com a presença do Exército coordenando as ações conjuntamente com as forças [policiais]”, disse Reinaldo em coletiva de imprensa após a reunião.

Ofício

No ofício enviado nesta terça-feira (1) para Mato Grosso do Sul, o ministro José Elito Carvalho de Siqueira ressalta a autorização da presidente Dilma Rousseff quanto ao emprego das Forças Armadas em missão da garantia da lei e da ordem nas quatro cidades do Estado.

Conforme o documento, as tropas ficarão na região até 30 de setembro. Durante esse período, os militares das Forças Armadas ficarão encarregados das operações de coordenação e controle operacional dos efetivos da Polícia Federal, Força Nacional, Polícia Civil e Polícia Militar.

Em um primeiro momento, apenas o será deslocado para as áreas de conflito. Entretanto, se houver necessidade, tropas da Marinha e da Aeronáutica poderão ser solicitadas.

Veja o ofício na íntegra aqui.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
01/10/2017 - 15h55
Marinha e Exército realizam operação "Ágata Pantanal"
22/09/2017 - 07h50
Arena Aberta une empresas, academia e Exército em Santa Catarina
22/09/2017 - 07h45
Operação Paraná: perfeita integração entre os Exércitos do Brasil e do Paraguai
21/09/2017 - 16h02
Exército Brasileiro dá a largada para a Operação Dínamo V
19/09/2017 - 07h52
Exército Brasileiro realiza Exercício Combinado com o Exército do Paraguai
 
Últimas notícias do site
19/10/2017 - 08h00
PMA captura lagarto em quintal de residência
19/10/2017 - 07h52
Deputado Dr. Paulo Siufi homenageia médicos com a Medalha do Mérito Médico
19/10/2017 - 06h32
Previsão é de chuva e trovoadas, mas temperatura no Estado chega a 41ºC
18/10/2017 - 16h10
Local de prova do Enem será divulgado na sexta a partir das 10h, diz Inep
18/10/2017 - 16h10
Central 0800 permite solicitação de serviços referentes à iluminação pública
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.