zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Saúde - 13/08/2015 - 06h11

Às vésperas da Caravana, secretário destaca que 90% da população tem saúde como prioridade




Chico Ribeiro

Por Luciana Brazil do Notícias MS/ Redação Pantanal News

Campo Grande (MS) – A poucos dias da Caravana da Saúde que acontecerá em Nova Andradina em 30 de agosto, o secretário chefe da Casa Civil, Sergio de Paula, afirmou que mais de 90% da população aponta a saúde como prioridade em Mato Grosso do Sul. Durante entrevista para a Rádio Difusora, em Corumbá, na terça-feira (11), o secretário reafirmou que o compromisso do Governo é atender as necessidades dos sul-mato-grossenses.

Conforme Sergio, antes mesmo da campanha eleitoral , o projeto “Pensando Mato Grosso do Sul” revelou que 92% da população falavam da saúde como maior necessidade no Estado. “Não tem como iniciarmos um governo se não ‘atacarmos’ a saúde. É isso que as pessoas que nos pediram”, disse sobre a grande ação que já realizou mais de 100 mil procedimentos e mais de 7 mil cirurgias de catarata.

Sergio ainda relembrou, durante entrevista, exemplos que comoveram em Paranaíba – o último município a receber as carretas. “Vi uma mulher dizendo que aquilo não era Caravana da Saúde, mas caravana dos anjos. Ela operou as duas vistas e a cirurgia custaria R$ 7 mil e ela não faria porque não tem recurso”, afirmou o secretário.

A intenção da Caravana é acabar com uma fila histórica de cirurgias eletivas de várias especialidades. “Só de cataratas, em 2014, foram realizadas 1,5 mil cirurgias no Estado. Em 2015, já foram 7 mil cirurgias e todas sem problema algum”.

Além de levar atendimento e acabar com as filas, o governo consegue detectar nessas regiões o que existe de maior deficiência, avaliou o secretário. “A Caravana passa e a saúde fica”. Nova Andradina será a quinta região  do Estado a receber as 13 carretas,  os mais de 130 médicos e  350 voluntários.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
13/10/2017 - 09h09
Cinco coisas que tornam você um ímã de mosquitos
09/10/2017 - 10h23
Mato Grosso do Sul recebe nove profissionais brasileiros do Mais Médicos
02/10/2017 - 16h24
Caminhada em Campo Grande chama a atenção para a prevenção e diagnóstico precoce do câncer
19/09/2017 - 15h13
Setembro Amarelo: no mês de prevenção ao suicídio, Hospital Regional apresenta dados para alertar população
24/08/2017 - 15h35
STF decide, por maioria, proibir a comercialização do amianto
 
Últimas notícias do site
20/10/2017 - 15h38
Asfalto entre Piraputanga e Camisão vai impulsioncar ecoturismo na região
20/10/2017 - 15h06
Alerta prevê tempestades em 43 municípios de Mato Grosso do Sul
20/10/2017 - 14h13
PMA autua proprietária rural por exploração ilegal de madeira
20/10/2017 - 12h30
PMA autua jovem por manter ave silvestre em cativeiro
20/10/2017 - 11h33
Incêndio em parque estadual de MS é controlado após uma semana com ajuda de chuva, diz Imasul
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.