especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Cursos e concursos - 31/07/2015 - 06h26

Em sete meses, Governo de Mato Grosso do Sul convoca 1,5 mil servidores concursados




Divulgação

Por Rejane Monteiro do Notícias MS/ Redação Pantanal News

Campo Grande (MS)- Para minimizar a deficiência do quadro funcional, o Governo de Mato do Sul vem cumprindo a risca sua política de valorização dos servidores e convocando novos colaboradores nas mais diversas áreas de atuação. De janeiro à julho, 1.512 novos servidores foram convocados pela administração pública. A informação é do secretário de Administração e Desburocratização, Carlos Alberto de Assis.

Na área da educação, além dos 79 servidores administrativos convocados para perícia médica e posse na última terça-feira (21), foram convocados; 72 professores de artes, 63 na área de ciências biológicas, 51 professores de educação física, um professor de filosofia, 86 docentes de geografia, 17 professores de língua espanhola, 35 docentes em língua inglesa, 102 professores de língua portuguesa, um professor de química, dois docentes em sociologia e 52 professores de história para atuarem em 33 municípios. No total, 561 novos servidores foram convocados para desempenhar função na área educacional do Governo de Mato Grosso do Sul.

Na Segurança Pública, o número é ainda maior. Além dos 194 investigadores de Polícia e 26 peritos papiloscopistas, o Governo convocou 151 novos bombeiros miliares e 126 novos policiais militares para patrulharem as ruas de Mato Grosso do Sul. No Detran, o Departamento Estadual de Trânsito, 144 servidores foram convocados para fazer parte do quadro funcional.

Para atuar no Hospital Regional, 230 novos profissionais foram convocados para o quadro de funcionários efetivos da Fundação de Serviços de Saúde. Na especialidade Medicina, foram convocados 2 cirurgiões-gerais, 3 ginecologistas e obstetrícia, 8 intensivistas adulto, 2 neurologistas, 4 pediatras, 2 cardiologistas, 1 cardiologista pediátrico, 1 coloproctologista, 1 cirurgião de cabeça e pescoço, 3 cirurgiões pediátrico, 1 cirurgião torácico, 2 hematologistas e hemoterapia, 2 intensivistas pediátricos, 20 médicos de medicina de urgência, 1 neonatologista, 1 neurologista pediátrico, 2 oftalmologistas, 2 cancerologistas pediátricos e 1 cancerologista clínico.

Os demais profissionais nomeados foram enfermeiros (32), farmacêuticos (9), farmacêutico-bioquímicos (4), terapeutas ocupacionais (2), agentes de farmácia (14), assistentes sociais (2), fonoaudiólogos (4), gestores de serviços hospitalares – ciências contábeis (2), agentes de serviços hospitalares (38), técnicos de enfermagem (25), técnicos de enfermagem – perfusionista (2), técnicos de laboratório (6), técnico de nutrição (1), técnicos de radiologia (11), cozinheiros (3), auxiliares de copa (10), auxiliares de cozinha (3) e auxiliares de serviços hospitalares (4).

Para trabalhar diretamente na arrecadação estadual, foram convocados 25 auditores fiscais da Receita Estadual (antigos fiscais de rendas) e 50 Fiscais Tributários Estaduais (antigo agente tributário), por meio da Secretaria de Fazenda. E, no Instituto de Metrologia, o Inmetro, 10 novos servidores passaram a fazer parte do quadro funcional do Estado.

“É diretriz do Governador Reinaldo Azambuja apertar o cinto nos contratos e convênios e priorizar o servidor público. E é com base nessa determinação que estamos preenchendo alguns gargalos da administração, no que se refere ao quadro funcional, especialmente nas áreas prioritárias”,  completa Carlos Alberto de Assis.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
22/01/2018 - 08h56
Concurso: semana começa com 257 vagas em MS e salários de até R$ 23 mil
21/01/2018 - 07h05
Com mais de 3 mil formados, centro profissionalizante do governo abre portas para o mercado de trabalho
09/01/2018 - 06h50
Começam hoje inscrições de concurso para promotor com salário de R$ 23,5 mil
08/01/2018 - 07h49
Órgãos públicos abrem inscrições para concursos com salários de até R$ 23 mil
02/01/2018 - 08h06
Primeira semana do ano tem 320 vagas em concursos e salários de até R$ 19 mil
 
Últimas notícias do site
21/02/2018 - 08h27
Com pontes fechadas, só pedestres entram ou saem de Aquidauana
21/02/2018 - 07h25
Após chuvas, Defesa Civil vai a campo levantar estragos em municípios
21/02/2018 - 06h57
Cheia anormal no Pantanal força retirada urgente de gado, diz sindicato
21/02/2018 - 06h10
Sol volta a aparecer, mas dia será de chuvas isoladas e calor de 31°C
20/02/2018 - 15h56
Cerca de 30 famílias estão desabrigadas em Aquidauana e rio pode alagar cidade, diz Defesa Civil
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.