especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Economia - 27/07/2015 - 10h56

Produtores do Pantanal apontam equívocos na cobrança do ITR




Fotos: Divulgação




Por Assessoria / Redação Pantanal News

Produtores rurais do Pantanal de Corumbá questionam a cobrança do Imposto sobre a Propriedade Territorial Rural (ITR) dos anos de 2010 e 2011, pela Receita Federal e prefeitura - cujos cálculos não consideram os períodos de grandes cheias na planície -, e também o levantamento feito pelo Incra, que não se reuniu com os proprietários e não tem estrutura técnica para aferir o grau de utilização da terra na região.
 
O Sindicato Rural de Corumbá e o Sistema Famasul se reuniram com auditores e fiscais da prefeitura e com a empresa contratada pelo município para lançar os valores da terra nua, na semana passada, com o objetivo de reavaliar os cálculos e critérios em relação à cobrança indevida do imposto. O presidente da Famasul, Nilton Pickler, e juristas da entidade participaram da reunião na sede do sindicato.
 
O presidente do sindicato pantaneiro, Luciano Aguilar Leite, informou que mais de 100 produtores já foram notificados pela Receita Federal para pagamento do ITR de 2010/2011.
 
“Pedimos a prefeitura que rediscuta esta cobrança com a Receita Federal, pois sabemos que outros 300 produtores serão notificados de forma injusta e equivocada”, disse Luciano Leite. Ele explicou que em 2011 o Pantanal registrou a quarta maior enchente desde 1900, com prejuízos de R$ 200 milhões, situação atípica reconhecida pela União e pelo Estado por meio de decretos de calamidade pública.
 
Estudo duvidoso
 

Por via de regra, segundo o dirigente ruralista, o pantaneiro estaria isento do pagamento do ITR naquele ano. No entanto, desconsiderando os decretos, a Receita deu prazo de 20 dias aos proprietários para apresentar o laudo técnico de cinco anos atrás, em cujo período ocorreram três grandes cheias. “Como fazer o georreferenciamento se ainda temos propriedades debaixo de água?”, questiona Luciano Leite.
 
“O que também nos assusta – acrescenta o presidente do Sindicato Rural – é o fato de o Incra ser o responsável para auditar o valor do imposto em Corumbá, com base em um levantamento no mínimo questionável, considerando que o órgão não se reuniu com os produtores e não tem corpo técnico para realizar um estudo dessa profundidade numa região complexa como o Pantanal”.
 
Todos os sindicatos
 
A situação levantada pelo Sindicato Rural de Corumbá tem o apoio do prefeito do município, Paulo Duarte, que determinou a sua equipe da área tributária uma avaliação criteriosa e diferenciada em relação à cobrança do imposto no bioma Pantanal. Um acordo deverá ser fechado nesta semana em uma nova reunião, com a participação de representantes da Receita Federal e do governo do Estado.
 
Para este novo encontro, com data ainda não definida, o Sistema Famasul convidará os sindicatos rurais dos municípios da região do Pantanal sul-mato-grossense para tratar de outro assunto preocupante: a Receita Federal exige que a propriedade no Pantanal esteja cadastrada no CAR (Cadastro Ambiental Rural), contudo o Estado ainda não decretou a sua regulamentação específica para o bioma.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
28/11/2017 - 10h54
Projeto ferroviário vai expandir fronteira do agronegócio, diz Reinaldo
28/11/2017 - 10h46
Prefeitura vai ajustar gratificações para assegurar salários dos servidores
27/11/2017 - 15h13
Saques da terceira etapa de pagamentos do PIS/Pasep já estão disponíveis
27/11/2017 - 14h12
Cheques de qualquer valor serão compensados em até um dia útil
27/11/2017 - 09h30
Economia deve movimentar R$ 38 milhões com 13° salário em Corumbá e Ladário
 
Últimas notícias do site
15/12/2017 - 16h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 39 milhões neste sábado
15/12/2017 - 16h02
Veado e tatu são resgatados e devolvidos a natureza
15/12/2017 - 12h35
Comandante e Subcomandante da PMA de Corumbá são homenageados
15/12/2017 - 12h01
PMA autua proprietário rural por armazenamento ilegal de embalagens de agrotóxicos
15/12/2017 - 10h56
Fazendeiro é autuado por armazenamento ilegal de madeira
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.