TRANSPARENCIA GOV DEZ
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Saúde - 23/07/2015 - 07h15

Feirante é 1º caso de chikungunya de 2015 em MS, diz Secretaria de Saúde

Outra confirmação que aparece no boletim foi detectada em 2014. Secretaria investiga se contágio foi em Corumbá ou na Bolívia.




Por Juliene Katayama do G1 MS / Redação Pantanal News

Um feirante de 47 anos de Corumbá, distante 415 quilômetros de Campo Grande, é o primeiro caso de febre chikungunya registrado em Mato Grosso do Sul em 2015, segundo o boletim da Secretaria do Estado de saúde (SES) divulgado nesta quarta-feira (22).

Segundo a assessoria da SES, o feirante começou a apresentar alguns sintomas da doença no dia 13 de junho. Ele não conseguia segurar os objetos e tinha dificuldade de andar.

Sobre o local onde contraiu a doença, a secretaria ainda está investigando. A dificuldade é por causa da profissão da vítima que é feirante e também trabalha na Bolíviaonde o índice de contágio está alto.

Outra confirmação apresentada pelo boletim, em Campo Grande, é de uma mulher que apresentou os sintomas em novembro de 2014. Mas o exame de confirmação ficou pronto apenas no início do ano.

Neste ano, já foram notificados 82 casos e outros 75 foram descartados. Os sintomas da doença são: febre de início súbito maior que 38,5°C, dor intensa nas articulações de início agudo, acompanhada ou não de edemas (inchaço), não explicado por outras condições.

Além disso, as pessoas devem ficar atentas se reside ou visitou áreas onde estejam ocorrendo casos suspeitos até duas semanas antes do início dos sintomas ou que tenha vínculo com algum caso confirmado.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
20/11/2017 - 12h50
Laudo descarta que macaco achado morto na Capital teve febre amarela
13/11/2017 - 11h30
Lei: deputado Dr. Paulo Siufi cria “Agosto Verde” para prevenir depressão e outros males
08/11/2017 - 16h10
Sesau investiga morte de macaco, animal hospedeiro da febre amarela
31/10/2017 - 14h46
Cirurgia de Ruiter teve início na tarde desta terça-feira
31/10/2017 - 09h07
Com quadro clínico estável, prefeito de Corumbá já está sendo operado
 
Últimas notícias do site
14/12/2017 - 06h35
Após trégua, 5ª-feira terá pancadas de chuva em várias cidades de MS
13/12/2017 - 08h34
Acumulada, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 33 milhões nesta quarta-feira
13/12/2017 - 07h58
Azambuja se reúne com empresa e dá posse ao novo secretário de Saúde
13/12/2017 - 06h54
'Dog itinerante': Este cachorrinho já visitou mais cidades que muita gente
13/12/2017 - 06h38
Dia amanhece com sol entre nuvens, mas previsão é de temperatura alta
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.