zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Habitação - 15/06/2015 - 07h06

Com faixas e cartazes, protesto pede punição a agressores de animais




Fotos: Fernando Antunes

Laura Cristina, levou a cadelinha Mel para participar do manifesto



Mais de 100 pessoas participaram de manifesto



Fernanda Araújo, uma das organizadoras do manifesto
Por Luana Rodrigues do Campo Grande News / Redação Pantanal News

 Mais de 100 pessoas participaram de uma manifestação pedindo a punição dos responsáveis pelos maus-tratos da cadelinha Vitória Guerreira, que morreu após 11 dias de tratamento, depois de ter sido atropelada e abandonada. O manifesto ocorreu na tarde deste domingo (14), saindo da Praça Ary Coelho, passando pela avenida Afonso Pena, até a Praça do Rádio, Centro de Campo Grande.

Com faixas, cartazes e camisetas brancas, os manifestantes pediram a punição dos agressores de Vitória e também de outras pessoas que maltratem animais. "Queremos que as pessoas se conscientizem de que não precisa chegar nesse ponto em que chegou o caso da Vitória, se as pessoas verem um caso de maus-tratos, elas tem que denunciar", explica assistente jurídica Fernanda Araújo, uma das organizadoras do manifesto.

"Fiquei assustada, porque realmente foram chocante. Senti uma tristeza enorme, misturada a mágoa por fazer parte de uma humanidade tão cruel", disse Laura Cristina, de 44 anos, sobre a morte da cadelinha. Ela cuida de 60 cães e 43 gatos em sua própria casa há mais de 13 anos. O abrigo, que leva o nome de "Fiel Abrigo", fica em uma chácara, em Campo Grande.

 

Os manifestantes gritaram por justiça, mas também pediram a sensibilização do poder público com relação aos crimes contra animais. "Acho que se existisse uma legislação mais firme e uma posição do governo, isso não aconteceria", considera Laura.

O caso - A cachorrinha foi socorrida por duas mulheres, a serralheira Simona Zaim, 32 anos, e a aposentada Lubas Lomar, 62, depois de ser encontrada ferida no bairro Coophavila II, na Capital. Moradores disseram que o filhote sofreu maus-tratos de pelo menos quatro adolescentes de um bairro da região sudoeste da cidade. O caso foi publicado no Facebook e causou grande comoção e revolta dos usuários da rede social.

A Decat (Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Ambientais e de Atendimento ao Turista), instaurou um inquérito para investigar o caso, e descobriu que o animal havia sido atropelado e depois abandonado.

Conforme a Polícia Civil, a dona de Vitória, uma mulher de 55 anos, confessou que viu quando a cadelinha foi atropelada, e que chegou a levá-la em uma clínica, mas como não tinha dinheiro para pagar o tratamento, a abandonou em um terreno baldio. Ela será indiciada por maus-tratos a animais.

A Polícia Civil agora procura pelo motorista que teria atropelado a cadelinha Vitória Guerreira no dia 30 de maio.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
17/05/2017 - 07h35
Reinaldo Azambuja entrega 300 casas em Fátima do Sul nesta quarta
19/01/2017 - 12h31
Parceria para construção de casas deve sair até o fim do mês, diz Reinaldo
10/11/2016 - 05h55
MS é o primeiro estado a receber nova etapa do Minha Casa Minha Vida
17/10/2016 - 12h55
Com investimentos de R$ 35 mi, governador entrega 568 casas
27/09/2016 - 07h55
Reinaldo visita Dourados com o ministro das Cidades para entrega de casas
 
Últimas notícias do site
17/10/2017 - 16h42
PMA autua fazendeira por degradação em margem de rio
17/10/2017 - 16h02
Aprovado projeto que incentiva entidades filantrópicas
17/10/2017 - 15h58
Membro atuante da CPI, Dr. Paulo Siufi apoia reivindicação de trabalhadores da JBS
17/10/2017 - 14h39
Bombeiros fazem sobrevoo para avaliar combate a fogo que já destruiu 20 mil ha
17/10/2017 - 14h00
Fazendeiro é autuado em R$ 18 mil por desmatamento e exploração ilegal de madeira
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.