zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Cidades - 27/05/2015 - 09h46

Em Três Lagoas, projeto educacional leva consumo consciente de água a detentos




Divulgação

Por Keila Terezinha Rodrigues de Oliveira do Notícias MS/ Redação Pantanal News

 Três Lagoas (MS) – Reeducandos da Penitenciária de Segurança Média de Três Lagoas (PSMTL) estão participando de um projeto educacional que trabalha o consumo consciente da água, por meio de atividades multidisciplinares. A ação é desenvolvida por professores da Escola Polo Professora Regina Anffe Nunes Betine, responsável pelo ensino nos presídios de Mato Grosso do Sul, com apoio da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen).

Segundo a coordenadora pedagógica da penitenciária, Maria Lúcia Ascêncio Pereira, a iniciativa tem como objetivo levar conhecimento e conscientização para o exercício da cidadania aos que, em muitos casos não tiveram acesso em idade adequada. “Conseguimos demonstrar a importância da água para a vida, devendo ser utilizada sem desperdício. A intenção é que eles levem essa conscientização também para o seu meio social quando estiverem em liberdade”, destaca.

Entre as atividades realizadas no projeto, os internos aprenderam a confeccionar um purificador utilizando garrafas PET de dois litros, algodão, areia limpa, carvão em pó e tesoura. “Esse filtro teve como função primordial trazer soluções possíveis para a prevenção de doenças causadas por água contaminada”, explica o responsável pelo setor de educação do presídio, Wilson Medina.

Para o diretor da unidade prisional, Eidimar Prado de Freitas, ao apresentar as diversas formas de minimizar e sistematizar o uso dos recursos hídricos no cotidiano dos internos, o projeto contribui diretamente para que eles acabem reduzindo os desperdícios no estabelecimento penal, o que, além da questão ambiental e social, representa também economia aos cofres públicos.

Agepen

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
16/10/2017 - 10h55
Ruiter aciona primeiro trecho de iluminação pública com LED
16/10/2017 - 10h16
Ruiter aciona primeiro trecho de iluminação pública com LED
13/10/2017 - 06h12
Aeroporto Internacional opera normalmente nesta sexta-feira
11/10/2017 - 08h22
MS nasceu com orçamento de 4 bilhões e 3 governadores em um ano
11/10/2017 - 06h13
Confira o que abre e fecha no feriadão da 'semana do saco cheio'
 
Últimas notícias do site
18/10/2017 - 10h57
PMA prende foragido da justiça durante fiscalização
18/10/2017 - 10h09
Com chuvas isoladas, temperatura em MS chega a 41ºC na sexta-feira
18/10/2017 - 09h38
Com temperatura de até 41 graus, outubro já teve 87 mm de chuva
18/10/2017 - 09h23
Polícia captura mais dois foragidos da justiça
18/10/2017 - 08h13
Calor e vento propagam incêndio que já destruiu 30 mil hectares de parque
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.