zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Meio ambiente - 13/04/2015 - 08h25

Governo amplia Centro de Reabilitação de Animais e investe em segurança




Fotos: Chico Ribeiro




Reinaldo amplia monitoramento por câmeras para aumentar segurança



Por Paulo de Camargo Fernandes do Notícias MS/ Redação Pantanal News

Campo Grande (MS) – O governador Reinaldo Azambuja anunciou, durante visita técnica, no sábado (11), que irá ampliar o Centro de Recuperação de Animais Silvestres (Cras), para poder abrigar os bichos de maneira mais adequada, e que irá investir na segurança do Parque das Nações Indígenas e nos altos da Avenida Afonso Pena, em Campo Grande.

Acompanhado dos secretários Jaime Verruck (Meio Ambiente) e Marcelo Miglioli (Infraestrutura), Reinaldo visitou o Cras e o Parque do Prosa; o viveiro dos peixes que irão para o Aquário do Pantanal, na PMA (Polícia Militar Ambiental); e o Parque das Nações Indígenas, onde também conheceu a Central de Monitoramento no pelotão do Parque dos Poderes e a Casa do Pantaneiro.

“No Parque das Nações Indígenas estamos refazendo toda a parte da iluminação, trocando as lâmpadas queimadas por led para diminuir os custos e garantir mais segurança para a população. Vamos também ampliar o monitoramento por câmeras e fortalecer o pelotão”, afirmou o governador.

Serão troca das 270 lâmpadas queimadas do parque e colocadas câmeras de vídeo na Avenida Afonso Pena. O secretário Marcelo Miglioli explicou que as lâmpadas de led são mais econômicas e duráveis e vão melhorar a iluminação para quem caminha ou passeia no Parque das Nações Indígenas.

Cras

A série de visitas de Reinaldo Azambuja, neste sábado, teve início pelo Parque Estadual do Prosa e o Cras. Em recuperação no Centro de Reabilitação estão cerca de 650 bichos diversos como araras, antas, tucanos, veado campeiro, tamanduá bandeira, papagaios e uma onça parda. “A maior parte deles foi recuperada do tráfico de animais”, explicou a coordenadora do Cras, a bióloga Nara Teodoro Pontes.

Jaime Verruck contou que o Cras já passou por uma revitalização, que envolveu reforma e pintura. “Agora, vamos melhorar a visitação e ampliar os recintos para os animais”, disse. O Cras fica dentro do Parque do Prosa, na entrada do Parque dos Poderes. A unidade de conservação conhecida hoje como Parque do Prosa foi criada como Reserva Ecológica em 1981, sendo elevada à categoria de Parque Estadual em 2002.

Com 135 hectares, todos situados dentro de perímetro urbano de Campo Grande, a unidade de conservação tem como objetivo preservar amostras de ecossistemas do cerrado (fauna e flora) e as nascentes do Córrego Prosa, formado pela confluência dos córregos Desbarrancado e Joaquim Português, todos na área do Parque dos Poderes. Além disso, é um importante instrumento de conscientização e educação ambiental com o trabalho que desenvolve com as visitações, todas controladas (grupos de, no máximo, 15 pessoas em horários agendados) e acompanhadas por guias.

Peixes sem Aquário

Durante a visita ao viveiro dos peixes que irão para o Aquário do Pantanal, o governador criticou a falta de planejamento e respeito ao dinheiro público pela administração anterior ao antecipar em vários meses a captura e aquisição dos exemplares.

“O Aquário, conforme o andamento da obra, poderá ser entregue no fim do ano e a captura dos peixes poderia ter aguardado. Tem um custo para o Estado de R$ 120 mil por mês, incluindo pagamento de água e energia”, explicou. O Governo mantém para o Aquário do Pantanal 5 mil exemplares de 136 espécies de peixes.

Serviço – Para quem quiser visitar o Parque do Prosa e o Cras é preciso fazer um agendamento pelo telefone (67) 3326-1370. As visitas são realizadas às terças, quintas e sábados. Durante outros dias da semana a visita é feita apenas no parque.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
19/04/2017 - 13h18
Entidades do setor florestal de MS promovem campanha de combate a incêndios
18/04/2017 - 15h15
Fenômeno natural, decoada começa no rio Paraguai causando morte de peixes
10/04/2017 - 09h19
Anastácio: Sucuri de 3 metros é encontrada em terreno onde crianças soltavam pipa
05/04/2017 - 09h08
Corumbá: Exposição mostra impactos do lixo na natureza
05/04/2017 - 08h35
Jacaré é encontrado em varanda de residência durante a madrugada
 
Últimas notícias do site
27/04/2017 - 15h06
Rádio Independente de Aquidauana recebe "Moção de Congratulação" do deputado estadual Paulo Siufi por processo de migração para FM
27/04/2017 - 15h03
Em MS, 27% dos contribuintes ainda não entregaram declaração do IR 2017
27/04/2017 - 07h10
Chuva em municípios de MS passou dos 50 mm e derrubou temperaturas
27/04/2017 - 06h31
Confira as ocorrências dos Bombeiros das últimas horas
27/04/2017 - 06h24
No primeiro frio do ano, quinta-feira amanhece com mínima de 9°C em MS
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.