zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Turismo - 13/04/2015 - 06h17

Desafios do turismo náutico são debatidos em feira de agentes de viagem

Redução da oferta de cruzeiros marítimos leva o setor a repensar estratégias para impulsionar o mercado




Por Assessoria / Redação Pantanal News

 O Brasil tem hoje 10 navios de cruzeiros para o turismo náutico, metade do que havia há quatro anos. A diminuição da oferta de embarcações foi tema de painel realizado na sexta-feira (10) durante a 38ª Aviesp - Expo de Negócios em Turismo, em Campinas.

O segmento movimentou cerca de R$ 1,1 bilhão no ano passado e gerou 15.465 postos de trabalho, com grande impacto na economia do país. Os cruzeiros ainda são considerados a melhor relação custo-benefício por 69% dos clientes quando o assunto é viagem de lazer.

O presidente da Associação Brasileira de Cruzeiros Marítimos (Abremar), Marco Ferraz, relacionou o momento vivido pelo segmento com a falta de uma legislação clara e os altos custos de mercado. A mesma percepção foi relatada por representantes do setor que participaram do painel, presidentes da Pullmantur, MSC, Costa Cruzeiros, e Royal Caribeann.

Para o ministro do Turismo, Vinicius Lages, o litoral brasileiro tem potencial para se desenvolver e, por isso, o turismo náutico está na agenda prioritária do Ministério. Lages destacou a importância de discutir o tema em um congresso de agentes de viagens, já que 95% das vendas desse produto são feitas por esse segmento.

“O setor amadureceu, mas precisamos avançar. Precisamos ter onde ancorar. Temos que explorar mais nossa costa: cidades como Pernambuco, Florianópolis e Manaus. Temos uma batalha pela frente: uma rota fluvial enorme, mas temos que checar as condições econômicas. O turismo náutico é uma das melhores frentes de crescimento que temos e o MTur está empenhado em fazer isso acontecer”, disse Lages.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
22/07/2017 - 14h34
Bonito é eleito o melhor destino de ecoturismo do Brasil pela 14ª vez
17/07/2017 - 15h30
Bonito vence pela 14ª vez prêmio de melhor destino de ecoturismo
20/05/2017 - 11h35
Eventos e negócios impulsionam turismo em Mato Grosso do Sul
12/01/2017 - 11h16
Feriados vão movimentar R$ 21 bilhões no turismo
18/11/2016 - 08h00
Turismo entrega 22 obras de infraestrutura em Mato Grosso do Sul em 2016
 
Últimas notícias do site
17/10/2017 - 10h25
Conab assina oito novos contratos com agricultores familiares em MS
17/10/2017 - 10h24
Compostos extraídos da gravioleira têm potencial ação inseticida e antitumoral
17/10/2017 - 09h02
PMA prende homem que matou cachorro de vizinho com espingarda
17/10/2017 - 08h20
Cinco propostas devem ser analisadas na Ordem do Dia desta terça-feira
17/10/2017 - 07h52
Campeões brasileiros de Canoagem Descida são definidos no Mato Grosso do Sul
 

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.