especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Política - 09/04/2015 - 17h15

Apenas dois deputados do MS são contra projeto da terceirização




Por Assessoria / Redação Pantanal News

Dos oitos deputados federais do Mato Grosso do Sul, apenas dois parlamentares do Partido dos Trabalhadores votaram contra a tramitação de urgência do Projeto de Lei 4330/2014, de autoria do deputado Sandro Mabel (PR-GO), conhecida do Projeto da Terceirização. 

Para o deputado federal Zeca do PT, a nova legislação que deverá ter seu mérito, emendas e destaques votados ainda essa semana, prejudica e precariza as relações de trabalho.

“A bancada do PT é contra porque o projeto 4330/2004 avança sobre os direitos do trabalhadores e trabalhadoras, ao permitir a terceirização indiscriminada da mão de obra na atividade, anulando as conquistas históricas dos trabalhadores. Por exemplo, os bancos, hoje já terceirizam os serviços de segurança e de limpeza. Se aprovado o projeto, os bancos irão poder terceirizar as atividades, como a dos bancários”, explica Zeca do PT, que é bancário aposentado.

O deputado Vander Loubet (PT-MS) afirma que é falso o discurso do empresariado, de que a nova lei poderá modernizar a legislação trabalhistas. 

“Por trás de um discurso de flexibilização e modernização está a precarização das relações de trabalho, a ganância por lucros cada vez maiores. Qualquer regulamentação da terceirização tem que ser pautada pela proteção ao trabalhador. Isso não significa querer prejudicar os empregadores, significa que devemos buscar equilíbrio. Temos que estabelecer a diferença entre atividade fim e atividade meio, entre o que é especialização e o que é apenas locação de mão de obra”, avalia  Vander. 

Entenda o projeto
Hoje, a Justiça do Trabalho limita a subcontratação a áreas-meio, como limpeza, segurança, e serviços especializados que não tenham relação com o objeto de empresa, como o serviço dos bancários nos Bancos . A terceirização de funcionários da área-fim é considerada ilegal pela Justiça do Trabalho. 

O texto do projeto também regulamenta obrigações de empresas contratantes e terceirizadas, obriga a contratante a fiscalizar o pagamento de obrigações trabalhistas pela terceirizada e obriga as fornecedoras de mão-de-obra a serem especializadas em um segmento.

Para empresários, a ampliação da terceirização dá competitividade às empresas. A proposta tem apoio das Federações das Indústrias . Já os ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST) e centrais sindicais como a Central Única dos Trabalhadores (CUT) são contra o projeto por considerar que ele piora as relações de trabalho.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
23/01/2018 - 09h40
Perguntas e respostas sobre o julgamento do recurso de Lula no TRF-4
16/01/2018 - 14h30
Obra de qualidade é uma das marcas do Governo, diz Rose depois de visitar Corumbá
22/12/2017 - 11h05
Acabou a dúvida: Puccinelli se anuncia como candidato ao governo do Estado
13/12/2017 - 07h58
Azambuja se reúne com empresa e dá posse ao novo secretário de Saúde
12/12/2017 - 08h16
Governador participa de reunião do Codesul em Porto Alegre
 
Últimas notícias do site
16/02/2018 - 06h53
AGENDONA: Fim de semana de enterro dos ossos, música, teatro, oficinas e mais
16/02/2018 - 06h13
Inmet prevê sol entre nuvens e chuva para sexta-feira em todo o MS
15/02/2018 - 16h16
A Falta de Educação
15/02/2018 - 16h10
Grupo busca voluntários para retirar toneladas de lixo do Rio Aquidauana
15/02/2018 - 06h10
Inmet aponta que mau tempo continua e MS terá dia com chuvas à tarde
 

zap

88

ZAP NOVO
Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.