zap
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Cultura - 02/04/2015 - 13h40

“Um Trago nas Horas” é opção cultural para fim de semana prolongado




Por Marcio Breda do Notícias MS/ Redação Pantanal News

Campo Grande (MS) – O grupo teatral Você em Cena, em parceria com a Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, apresenta no sábado e domingo (4 e 5 de abril) o espetáculo teatral “Um Trago nas Horas”. As apresentações acontecem no Teatro Aracy Balabanian do Centro Cultural José Octávio Guizzo, às 20 horas. A classificação é livre e a duração aproximada de 85 minutos.

Inédita, a peça da diretora e dramaturga Francielle Zamora é uma obra atemporal, feita para inspirar o espectador a tirar dela algumas conclusões. Fala sobre o tempo, o que as pessoas fazem da vida, das memórias e o que tudo isso faz com a gente.

Ávalos é o personagem central, um pianista famoso que está adoecendo e perdendo o movimento das mãos, representando também seu ego: algoz em seu passado, o músico viveu a melhor fase em sua juventude.

O personagem, porém, vive dilemas pessoais no presente, casos internos que o levaram ao fracasso. Mas novas perspectivas são apresentadas por quem o cuida: Clarisse. Ela questiona seu passado e seus casos de amor. As cenas pulam do passado para o presente em esquetes com música, performances e uma poética com pitada francesa.

A peça representa o tempo e as escolhas baseadas nas más memórias. Deturpadas por virtudes equivocadas, o homem se apoia na felicidade externa. Imagina que para ser feliz é preciso conquistar ou recuperar algo. Através das frustrações desses apoios que geralmente se esfacelam, seus pensamentos vão revoltos para um mau caminho de negatividade.

A poética do drama induz o pensamento de que as pessoas precisam voltar ao início de tudo, à essência de ser, de satisfazer-se, de agradecer, de cativar, de cultivar e de valorizar o afeto, a positividade, de celebrar o que é de Deus.

O espetáculo aborda o tema através de um homem doente em vários aspectos, desdenhando a pouca vida que tem num enlace de memórias subjetivas exteriorizadas por seu ego, que é seu personagem paralelo e a representação de sua juventude em cenas que destrincharão sua relação com as mulheres e seus erros, que tanto apoiaram sua felicidade, desilusão e tristeza e que o levam para a autodestruição.

Este personagem central, que utiliza de um dom e da oportunidade de um momento de fama em sua vida para debruçar sua felicidade, confirma sua autoestima através da “aquisição” da atenção das mulheres como um troféu. Porém, experimentará na vida a solidão, o desprezo e o abandono.

Com encenação performática, dança e música, o espetáculo teatral surpreende o enlace do texto, dramatizando as sensações com uma trilha sonora dolorida entre tangos e música clássica e também algumas cenas com canções cantadas à capela. Enfim, um desfecho de morte que o próprio personagem induziu. A peça, também, descortina amor-próprio, experiência, paciência e atitude positiva perante a vida, ao presente e ao futuro ao demonstrar o amor do cuidado.

O grupo teatral Você em Cena possui três anos de atuação. Sua última apresentação foi a divertida peça “O amor vai a terapia”. O elenco da peça é composto pelos atores Samuel Xavier, Keila Correa, Ana Loureiro, Gustavo Hellbert, Mario Filho, Rafaella Lubatchesck, Leandro do Valle, Ariadne Farinea, Thais Barros, Valéria Diniz e Caroline Sandin. O figurino é da modista Lauren Cury, proprietária da loja Gaveta e o cenário dos designers de interiores Gustavo Hellbert e Edineia Moreira.

Serviço: Ingressos a R$ 20,00 (inteira) e R$ 10,00 (meia entrada para crianças até 12 anos, além de estudantes, professores, doadores de sangue e idosos acima de 60 anos, com a apresentação de seu respectivo comprovante). Todos podem garantir seu ingresso antecipado no valor de meia-entrada pelos telefones 9292-0786; 9252-3233 e 9142-4209.

O Centro Cultural José Octávio Guizzo fica na Rua 26 de Agosto, 453 entre a Calógeras e a 14 de Julho. Mais informações pelo telefone 3317-1791.

Contato para a Imprensa – Francielle Zamora: 9292-0786

Informações de Jefferson Benício / CCJOG

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 


Comentários
 
Últimas notícias do canal
17/11/2017 - 10h18
Fim de semana tem sertanejo, funk, comédia e teatro
10/11/2017 - 13h08
AGENDONA: Fim de semana tem atração internacional, rap, reggae e até grito de carnaval
09/11/2017 - 12h45
Com relíquias no acervo, Arquivo Público guarda detalhes valiosos de MS
03/11/2017 - 09h27
AGENDONA: Fim de semana tem youtubers famosos, Guilherme Rondon e muito mais
03/11/2017 - 07h37
Em clima de quintal, encontros têm samba de gafieira com energia super carioca
 
Últimas notícias do site
21/11/2017 - 06h32
Dia amanhece com céu aberto, mas previsão alerta para chuva forte em MS
21/11/2017 - 05h50
Confira as ocorrências dos Bombeiros das últimas horas
20/11/2017 - 15h50
Conab divulga preços de frutas e hortaliças no mês de outubro nos Ceasas
20/11/2017 - 12h50
Laudo descarta que macaco achado morto na Capital teve febre amarela
20/11/2017 - 11h53
Ocupantes de submarino argentino estão vivos, acredita Marinha
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.