zap
GOV EMPREGO 22-06
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Emprego - 27/12/2014 - 06h00

Denúncias contra empresas que não pagam 13º crescem 30% em MS

Aumento no fim do ano refere-se à comparação com igual período de 2013. Empresas que descumprem legislação estão sujeitas a multa, diz MTE.




Por G1 MS com informações da TV Morena / Redação Pantanal News

 O número de empregadores que não pagaram o 13º salário dos funcionários neste fim de ano cresceu em Mato Grosso do Sul, segundo levantamento do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE). As denúncias de falta de pagamento aumentaram 30% em relação ao mesmo período do ano passado, de acordo com o órgão.

Alguns segmentos do mercado de trabalho se destacam pela alta incidência de casos, como explica o chefe de fiscalização do órgão, Leif Naas. Empregadores que descumprem a legislação podem ser multados. “São dois segmentos campeões desse problema. As de asseio e conservação, que fazem serviços de limpeza, e as de vigilância patrimonial. A partir do momento que a empresa atrasa o pagamento, está sujeita a multa de R$ 500 por empregado que deixou de receber o benefício”, diz.

Seus direitos
Tem direito a receber o 13º salário todo trabalhador com carteira assinada, e o valor é referente à média salarial de cada empregado. O pagamento pode ser feito de forma parcelada, com vencimentos nos dias 30 de novembro e 20 de dezembro, ou em parcela única, até o dia 30 de novembro. Em caso de demissão, o funcionário tem direito a receber o valor do benefício proporcionalmente ao período trabalhado. Quando o funcionário cumpre aviso prévio, o pagamento deve ser feito dois dias após a rescisão do contrato. E se o aviso prévio não é cumprido, esse prazo passa a ser de dez dias.

Quem não recebeu o 13º salário pode procurar o sindicato da categoria ou o Ministério do Trabalho. A denúncia é confidencial e pode ser agendada pela internet, na página do órgão, menu “Atendimento Agendado”. Em Campo Grande, a sede da Superintendência Regional de Trabalho e Emprego fica na rua 13 de Maio, 3214 – centro.

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

area
Comentários
 
Últimas notícias do canal
09/06/2017 - 07h38
Ministério Público abre vagas de estágio para alunos de nível médio e superior
19/04/2017 - 16h55
Nota Oficial- Superintendência Regional do Trabalho em Campo Grande
11/04/2017 - 09h41
Tribunal Regional Eleitoral continua com inscrições para 24 vagas de estágio
04/01/2017 - 10h05
Governo abre 12 vagas em processo seletivo com salários de R$ 3,9 mil
14/12/2016 - 08h18
Ministério de Trabalho realiza mutirão de atendimento em 8 cidades de MS
 
Últimas notícias do site
27/06/2017 - 16h24
Temer classifica denúncia de "ficção", critica Janot e cobra provas concretas
27/06/2017 - 15h51
Leilões negociam prêmio para escoamento 587 mil t de milho de Mato Grosso
27/06/2017 - 15h30
Senador Moka e prefeita Délia discutem investimentos para Dourados
27/06/2017 - 14h37
Em MS, 60 mil ainda não sacaram FGTS e prazo termina no dia 31 de julho
27/06/2017 - 10h49
Radiopatrulha de Anastácio e Rotai prendem autores de furtos
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.