zap
ANIVERSÁRIO CORUMBÁ 2017
   

especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
Artigos - 14/11/2014 - 06h01

Água: Um futuro catastrófico

“Hoje, o petróleo ainda é a razão dos maiores conflitos mundiais. Em breve, com certeza, será a água!”




Por SGT Lídio de Souza Neto

Às vezes eu me envergonho em fazer parte desta geração que tanto maltrata a Natureza!

Hoje a questão hídrica, em nosso Planeta nos preocupa e muito, por estar na iminência de nos reservar um futuro sombrio, para esta e futuras gerações.

Os exemplos dos descansos para com essa questão é a situação de calamidade reinante em São Paulo, onde seus reservatórios encontram-se todos exauridos, pela exploração irracional e desmedida desse líquido precioso chamado água.

Em nossa região temos água em abundância, ao ponto de nos passar a falsa impressão de que é um bem infinito. Ledo engano! São Paulo, a “terra da garoa”, chovia toda tarde, num passado recente pensava assim também,  hoje esta pagando por esse equívoco.

A disponibilidade da água na terra é distribuída da seguinte forma: 97,4% água salgada, estão nos mares e oceanos, 1,8% está na forma de gelo e se encontra nas calotas polares, apenas 0,8% disponível a população.

Hoje é visível a situação de esgotamento dos nossos principais rios, córregos, lagoas, pântanos, aquíferos entre outros mananciais. As nossas reservas de água doce estão cada vez mais exauridas pela ganância, pelo descaso e exploração irracional do homem.

Em nossa região, não só os pequenos córregos que ainda sobrevivem, correm o risco de exaustão e, também, os nossos principais rios como o Aquidauana, o Taquarussu, o Miranda, o Negro e Coxim. Esses rios pantaneiros, a qualquer momento podem passar a fazer parte desta triste estatística. Ou seja: condenados à morte.

O desmatamento, a extração de madeiras, a exploração de minérios, a ocupação demográfica sem critérios são alguns dos fatores determinantes na aceleração da degradação das nossas principais fontes hídricas.  Hoje, a morte radical desses mananciais é só uma questão de tempo se nenhuma medida urgente e eficaz for tomada.

Com a supressão das florestas para dar lugar à formação de pastagem, além da captação irregular de suas águas, por empresas do ramo de suinocultura, siderurgia, frigoríficos, fábrica de tijolos, telhas, etc., transformaram alguns desses córregos, como: o João Dias, Guanandi, Paxixi (em Aquidauana); Pedra Preta, Combate e Acôgo (em Anastácio) em pequenos filetes de água contaminada.

Sem suas matas ciliares para sustentação de suas margens, esses córregos acabaram invadidos pelos barrancos e sedimentos trazidos pela chuva. A sua profundidade que, em alguns trechos, superavam os 2,5 metros, hoje não passa de “finas lâminas de água”, que mais parece lágrimas de alguém que suplica para não morrer.

A exploração irracional afeta, também as reservas subterrâneas, com a contaminação dos lençóis freáticos, por meio de perfuração fora do controle e sem nenhum critério, de poços artesianos. Muitos deles são abandonados e se transformam em porta de entrada de agentes contaminadores às reservas de água subterrâneas.

O Aquífero Guarani, esta embaixo do nariz das nossas autoridades, que fingem não saberem!

Até quando vai perdurar esse descaso para com esse nosso líquido precioso chamado ÁGUA?

Como detentor da maior reserva de água potável do mundo, o Brasil está se tornado exportador indireto de água. A agricultura é a atividade humana que mais se consome água potável.

Quando somada à pecuária e a siderurgia, concluímos que o Brasil está se tornando em um grande exportador de água, com quase 95% das exportações brasileiras dependente da água. Para produzir um quilo de frango são necessários 20 litros de água; para cada tonelada de aço, 2.000 litros.

O Brasil tem, correndo em seus rios ou guardados em suas lagoas, pântanos etc. 12% da água doce do planeta. Mas, como a maioria das nações, não está cuidando dos seus mananciais e nem utilizando corretamente a água.

Só para se ter uma idéia, as reservas de água potável hoje representam a metade das que foram contabilizadas a pouco mais de 40 anos. E num futuro bem próximo, como será?

Os artigos publicados com assinatura não representam a opinião do Portal Pantanal News. Sua publicação tem o objetivo de estimular o debate dos problemas do Pantanal do Mato Grosso do Sul e de Mato Grosso, do Brasil e do mundo, garantindo um espaço democrático para a livre exposição de correntes diferentes de pensamentos, idéias e opiniões.  

 

Envie o seu artigo, a título de colaboração, para: redacao@pantanalnews.com.br

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
04/09/2017 - 09h11
3ª Etapa da Expedição Centenária Roosevelt-Rondon (Parte III)
04/09/2017 - 09h06
3ª Etapa da Expedição Centenária Roosevelt-Rondon (Parte II)
04/09/2017 - 09h01
3ª Etapa da Expedição Centenária Roosevelt-Rondon (Parte I)
28/07/2017 - 16h47
Chapéu Bandeirante
24/07/2017 - 09h01
Atentado à Vida de Plácido de Castro
 
Últimas notícias do site
25/09/2017 - 17h12
Vídeo: Ministro oficializa migração de 23 rádios da frequência AM para FM
25/09/2017 - 17h00
Vídeo: Ministro assina documento que autoriza migração de rádios AM para FM em MS
25/09/2017 - 16h38
Preço do botijão de gás terá reajuste de 6,9% a partir de amanhã
25/09/2017 - 15h47
Petrobras anuncia redução nos preços da gasolina e do diesel
25/09/2017 - 15h24
Governo decide manter o horário de verão a partir de outubro
 

zap

88

Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.