especiais

seções

colunistas

blogs

enquete

Na sua opinião, o Pantanal já sente os efeitos do desmatamento?
Sim
Não
Não sei
Ver resultados

tempo

newsletter

receba nosso newsletters
   
Rádio Independente

expediente

Pantanal News ®
A notícia com velocidade, transparência e honestidade.

Diretora-Geral
Tereza Cristina Vaz
direcao@pantanalnews.com.br

Editor
Armando de Amorim Anache
armando@pantanalnews.com.br
jornalismo@pantanalnews.com.br

Webmaster
Jameson K. D. d'Amorim
webmaster@pantanalnews.com.br

Redação, administração e publicidade:
Aquidauana:
Rua 15 de Agosto, 98 B
Bairro Alto - CEP 79200-000,
Aquidauana, MS
Telefone/Fax (67) 3241-3788
redacao@pantanalnews.com.br

Escritório:
Corumbá:
Rua De Lamare, 1276 - Centro
CEP 79330-040, Corumbá, MS
Telefone: (67) 9235-0615
comercial@pantanalnews.com.br
pantanalnews4@terra.com.br

 
O Estado do Pantanal - 08/08/2008 - 08h20

MS tem agora 38 RPPNs, com criação de mais 3 áreas




Por Notícias MS

       A criação, esta semana, de mais três Reservas Particulares do Patrimônio Natural em Mato Grosso do Sul, sendo duas estaduais e uma federal, amplia para 38 o números de RPPNs no estado. Agora são 30.569,86 hectares de áreas estaduais e 97.764,25 hectares de áreas federais protegidas. Reserva Particular do Patrimônio Natural é uma categoria de unidade de conservação criada pela vontade do proprietário rural, ou seja, sem desapropriação de terra. No momento em que decide criar uma, o proprietário assume compromisso com a conservação da natureza, pois uma vez criada, será para sempre.

       Segundo Leonardo Tostes Palma, gerente de Unidades de Conservação do Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), os proprietários dessas áreas de RPPN só poderão desenvolver três tipos de atividade: turismo ecológico, pesquisa científica e educação ambiental. “Geralmente nessas áreas já existe uma grande biodiversidade e o proprietário tem consciência disso. É ele quem toma a iniciativa de procurar o órgão ambiental”, explica.

        As duas RPPNs criadas pela Semac (Secretaria de Estado do Meio Ambiente, das Cidades, do Planejamento, da Ciência e Tecnologia) são: Alegria, em Corumbá, com área de 1.128,786 hectares e Duas Pedras, em Bandeirantes, com área de 152,993 hectares. A terceira área foi criada pelo Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente) e fica em Corumbá.

        No caso da Fazenda Alegria, ela foi incluída no Programa de Incentivo de RPPNs no Pantanal, que custeia o processo de georeferenciamento. O proprietário procurou a Repams (Associação de Proprietários de Reservas Particulares do Patrimônio Natural/MS), que auxilia em todo o encaminhamento, desde documentação no órgão ambiental a custeio das atividades. Foram cerca de dois anos até a publicação no Diário Oficial.

        A Repams teve origem em 2001 quando um grupo de proprietários de RPPN sentiu necessidade de se organizar para concretização de projetos e troca de experiências com objetivo de divulgar as RPPNs e suas atividades no Mato Grosso do Sul.

        Além de conservar áreas privadas, as RPPNs ajudam a proteger o entorno das Unidades de Conservação públicas, formando corredores de vegetação e servindo de abrigo e pontos de passagem para animais silvestres.

         Atualmente, existem no Brasil mais de 530 mil hectares protegidos por RPPNs, distribuídos em aproximadamente 714 reservas (CNRPPN, 2006). O movimento em favor das RPPNs vem organizando-se em associações de proprietários de reservas privadas em todo país. Mais informações no site: www.repams.org.br

Compartilhe


Deixe o seu comentário

Todos os campos obrigatórios. Seu e-mail não será publicado.

Nome:

E-mail:

Seu comentário:
Sistema antispam

Digite aqui o código acima para confirmar:


 

zap2
Comentários
 
Últimas notícias do canal
27/11/2017 - 08h39
“Se Amazônia é pulmão, Pantanal é o coração do planeta”
13/11/2017 - 09h40
Dia do Pantanal: mais que comemorar, ainda há muito a descobrir e preservar
10/11/2017 - 13h23
Com chuvas dos últimos dias, rios de MS atingem nível de alerta para enchente
08/11/2017 - 15h27
Devastação do Pantanal representa custo de R$ 19 milhões por ano
03/11/2017 - 13h10
Último fim de semana da temporada de pesca lota cidades de MS
 
Últimas notícias do site
12/12/2017 - 14h30
Produção de grãos em MS cresce 40%, alta acima da média nacional
12/12/2017 - 12h51
Emoção, luzes e alegria marcam a noite de abertura da Vila do Natal em Aquidauana
12/12/2017 - 08h51
Governo divulga resultado dos recursos do concurso da Polícia Civil
12/12/2017 - 08h42
Calor predomina e meteorologistas alertam para baixa umidade do ar
12/12/2017 - 08h16
Governador participa de reunião do Codesul em Porto Alegre
 

zap

88

ZAP NOVO
Untitled Document
 ® 2009  

CPN - Central Pantaneira de Notícias
PantanalNEWS - Marca registrada 1998-2009
Todos os direitos reservados.